Poems From The Portuguese

Home Made Brews

HOME MADE BREWS

to drink the abyss you have to drink it liquid

prepare it like good handling meat

suck it to the bone grab it by the

throat, let it grow upwards

 

enslave desire at the door

and appetite will purple up

outlandish and exotic

 

approach the lair on the highest note

garden it by smoothing the borders

 

persist in order to engulf it, contain it

like an erection –

 

let’s delicately start at the top

© Translated by Ana Hudson, 2020

BIQUEIRÕES CASEIROS

para beber o abismo deve-se bebê-lo líquido

prepará-lo como carne boa para montada

lamber-lhe o carnaz até ao osso tomá-lo

na garganta, deixá-lo crescer para cima

 

deve-se manter escravo o desejo à entrada

o apetite subirá púrpura num exótico

que não pode aqui

 

é preciso implicar no covil no seu grau maior

entrar gardinando a tamborilhar-lhe os bordos

 

é preciso persistir para engoli-lo, contê-lo

como uma erecção –

 

comecemos delicadamente pelo topo

 

2012, Groto Sato

Mariposa Azual
© Raquel Nobre Guerra

No Comments :