Poems From The Portuguese

you come across someone

you come across someone

who addressed you from another table
and shook your hand
after having tied up her hair
above the neck

in the brief moments we could manage
we make an effort to acquaint
ourselves in a shared book
or in the brand of a beer

or perhaps some quote
or the name of a city we nearly went to

we exchange phone numbers
and other named means of contact
and agree to write in due course

half a year later you get a letter
requesting a poem to be published
in a foreign magazine

you send a poem in good faith
which is to be directed to an official translator
and once more we meet at that magazine’s launch
never to discuss poetry in person again

I pay my debt and in turn
invite her to take part in an anthology
I can even play a part in the translation
but in a future opportunity
I’ll commission her again

it’s necessary to gain credits
in the market of literary favours
and so I write a quote
and a dedication in each poem
pulling two strings is always worth more
than a certified pseudonym

© Translated by Ana Hudson, 2012
Unpublished

conhecemos alguém

que nos dirigiu a palavra de outra mesa
e nos estendeu a mão
depois de enrolar o cabelo
preso acima da nuca

nos breves segundos a que temos direito
fazemos um esforço por nos
reconhecermos num livro comum
ou na marca de uma cerveja

pode ser também nalguma citação
ou nome de cidade onde estivemos para ir

trocamos os números de telefone
e outros endereços com o nosso nome
e combinamos escrever em tempo útil

meio ano depois recebemos uma carta
a pedir um poema nosso para ser publicado
numa revista estrangeira

enviamos um poema à confiança
que será encaminhado para uma tradutora oficial
e voltamos a encontrar-nos no lançamento dessa revista
para nunca mais discutirmos poesia ao vivo

da próxima vez serei eu a saldar a dívida
e a fazer o convite para uma colectânea
posso até participar na tradução
para tornar o poema aceitável na antologia
mas numa próxima oportunidade
irei repetir a encomenda

é preciso ganhar créditos
no mercado dos favores literários
por isso coloco sempre uma citação
e uma dedicatória em cada poema
duas cunhas valem sempre mais
do que um pseudónimo certificado

Inédito

No Comments :